segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Efeito Coca light + Mentos



Quem nunca se perguntou, ou perguntou ao professor de química o que causava o efeito coca-mentos?

Certamente o seu professor não saberia responder, ou tentaria inventar mil justificativas, e outros, que são brilhantes professores, tentariam propor ideias que poderiam ser bem coerentes para tentar explicar esse efeito. Isso porque a resposta só foi escrita em julho de 2008 pelo físico Tonya S. Coffey e sua equipe. Esse detalhamento só foi possivel graças a tecnologia de miscroscopia eletrônica.





Em agosto de 2008 foi publicada uma matéria para o site da sbq-rio que explica esse fenômeno de uma força bem acessível.

"O efeito não se deve diretamente ao tipo da bala Mentos (frutal ou mentolada), nem tão pouco a cafeína do refrigerante ou ao pH do meio, como em princípio foi suposto. O fenômeno é devido à presença da goma arábica presente na bala Mentos. Este surfactante, presente na camada externa da bala, diminui a tensão superficial do meio acarretando a liberação rápida do CO2 da garrafa. A saída rápida de gás resulta num jorro forte e contínuo. Esse efeito é potencializado pelo aspartame e pelo benzoato de potássio, presentes no refrigerante, que contribuem para diminuir a tensão superficial do meio facilitando a formação de bolhas."


surfactante
-é um composto caracterizado pela capacidade de alterar as propriedades superficiais e interfaciais de um líquido.

2 comentários:

Raphael disse...

Pow eu pensei que era devido ao pH do meio mas...
vivendo e aprendendo
Vlw Roberto por mais uma matéria show de bola
Parabéns ae
abração

LPB disse...

Gostei muito dessa matéria Parabéns..